Andava São Deícola risonho e alegre e ninguém o via a não ser com semblante feliz e boa disposição de ânimo.Perguntaram-lhe certa vez qual a causa daquela alegria imutável e constante.Respondeu o santo:


- Seja o que for, suceda o que suceder, ninguém me pode tirar a Cristo.

1 comentários:

Luciano Beckman. disse...

Lindo! É isso aí!

Postar um comentário